Mulheres na Carreira Jurídica

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Nova gestão da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica será empossada dia 14 de fevereiro, no Centro Educacional do Sesc, Jardim América, em Goiânia

O compromisso com os direitos das mulheres assegurou a eleição da chapa “ABMCJ em Ação”. A diretoria eleita para no triênio 2020/2023 visa um trabalho de consolidação da igualdade de gênero. São mais de trinta propostas em diversas áreas.
No Brasil cerca de mil mulheres integram as entidades da ABMCJ. Na solenidade de posse da Nova Diretoria, em Goiânia, já temos presença confirmada de mulheres de 21 Estados, cerca de setenta convidadas. Também confirmaram presença, a Ministra do Superior Tribunal Militar (STM), Maria Elizabeth Rocha, a Ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Eliana Calmon, a Ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Delaíde Miranda Arantes, o Procurar Geral de Justiça de Goiás, Aylton Flávio e várias outras autoridades.
Além da diretoria também tomarão posse conselheiras titulares e coordenadoras do Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sudeste e Sul do país. O evento contará também com a presença da ex-presidente nacional da (ABMCJ), Laudelina Inácio da Silva e diversas autoridades.

Segundo a Presidente da ABMCJ, Dra. Manoela Gonçalves Silva, a nova diretoria atuará no próximo triênio com mais ênfase nas parcerias com órgãos públicos do governo estadual e municipal, contra a violência feminina. “Iremos fortalecer ações integradas com a Secretária Municipal da Mulher e o Conselho Estadual da Mulher de Goiás (CONEN). É necessário mudar a cultura de feminicidio que existe hoje, em todo Brasil, uma raiz de violência. Isso só será possível por meio da educação, com projetos nas escolas, para a família, entidades, ongs e associações. Não basta punir com a Lei Maria da Penha, é preciso influenciar a futura geração para que a punição não seja necessária ”, esclarece.

Presenças Confirmadas

Ministra do Superior Tribunal Militar (STM), Maria Elizabeth Rocha, a Ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Eliana Calmon, a Ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Delaíde Miranda Arantes, o Procurar Geral de Justiça de Goiás, Aylton Flávio, Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Ana Carolina Almeida, Diretora de Execução Políticas, Ludymilla Daher, Dra. Laís, advogada setorial.

Compartilhar:

Comentários encerrados!

PortugueseEnglishSpanishItalianFrench